Archive / Fevereiro, 2013

sneak peek

Sneak peek que é como quem diz uma espreitadela no que cá se anda a fazer. Cores, muitas cores a serem trabalhadas. Algodão mercerizado mas grosso, óptimo para sacos, almofadas, individuais de mesa e outros trabalhos decorativos que dão vida à casa.

Este granny square está em fase de estudo e ao que tudo indica irá directamente para um tote bag. Eu sei, eu sei, muito inglês mas eu gosto destes nomes.

 

o documentário

Helen Rödel – Documentário Estudos MMXI (english subtitles) from Helen Rödel on Vimeo.

E ainda Helen Rödel.

Este documentário preenche-me e fascina-me. Estou apaixonada pelo processo criativo, a dedicação e o amor que Helen tem para com o seu trabalho, a sua arte. Revejo-me nas palavras que usa para descrever o crochet e o processo artesanal de construir uma peça assim longa, demorada que exige toda a paciência, perseverança e, acrescento eu, crença, acreditar no fim, no resultado final.

Esta mulher transpira arte. Estas pessoas fazem-me bem.

A passerelle.

Helen Rödel – Passarela Estudos MMXI from Helen Rödel on Vimeo.

 

o poder de fazer

Saber fazer é poder ter o que queremos, como queremos e quando queremos. Foi na sexta que me apeteceu ter um xaile, foi no sábado que o estreei. Com 500g de linha e depois de uma maratona de crochet que me pôs as costas num oito, tinha o xaile que queria usar. O meu primeiro xaile.

Para quem não tem destes poderes está sempre a tempo de conseguir um. É só aproveitar esta onda social de meninas prendadas que redescobriu os labores das mães e avós e viu aí uma espécie de libertação e deitar mãos à obra! Dizia Myron S. Kaufmann que “watching something grow is good for morale: it helps you believe in life.” e deve ser esta a filosofia inerente ao trabalho artesanal, também aqui vemos nascer, crescer e pelas nossas mãos o que torna tudo mais grandioso, cheio de auto estima e prazer. Por cada obra feita é mais um raio de esperança que aquece os nossos dias, que nos faz acreditar que amanhã é um novo e melhor dia, mais perfeito, com uma felicidade mais serena, mais completa. Este é um poder estranho… o de saber fazer.