manta Vasco

manta-vasco_mybelovedcraft
manta-vasco_mybelovedcraft
manta3_mybelovedcraft

Eu sei que este post deveria ter sido sobre crochet antigo, aquele que atravessa gerações mas as mantas aqui apresentadas podem muito bem vir a ser uma dessas peças que povoam as nossas memórias e fazem parte do que somos.
No início do ano passado tinha decidido fazer uma manta para cada filho e comecei pela da menina. E… continua um trabalho, como dizem os ingleses, in progress.
Mas o ano não acabou sem que, entusiasmada por um ponto aprendido no youtube, me iniciasse na manta para o rapaz mais velho. E como comecei acabei, num instante, num acto de quase fúria, obsessão. Um outro ano tinha começado e já duas mantas estavam feitas.
Para grande desgosto da mãe o filho não gostou das cores mas a culpa não é dele mas do seu daltonismo e só por isso o desculpo de tão seco “não gosto” que tive de ouvir. As cores estão muito bem e são para rapaz e não de menina!, como ele diz. “Não faz mal, fica para o teu irmão”, diz a mãe amuada. “Eu góto mamã, é muito linda”, diz o outro marcando pontos.
Bem, feitas as mantas, uma vai estar à venda e vai se chamar Vasco. Como comecei por dizer, estas mantas são peças de grande valor não só pelo seu trabalho (de dias) mas por toda a carga afectiva que pode vir a carregar e pelos anos que pode vir a contar ao lado da pessoa que se queira mimar debaixo do peso da quentinha lã com que é feita. Passe na loja e veja a manta e os outros artigos que lá estão à espera de um dono que goste de coisas feitas com amor. Os pagamentos são por multibanco. Se tiver dúvidas não hesite em falar comigo lara@mybelovedcraft.com

Ah! Um bom ano para todos. Tentar ser melhor são as minhas resoluções para este ano. E já não é pouco. E já não é fácil.
Abraços!